domingo, 3 de julho de 2011

Como tudo começou





Em 16/06/2011 soubemos que a Dona Lúcia teve um problema grave de saúde e que os animais que ela abrigava estavam abandonados. A casa simples estava em situação de miséria com muita sujeira por todos os lados e um número inimaginável de animais famintos e doentes. 
Vendo a situação em que se encontravam, nos empenhamos em buscar ajuda para eles. Por duas semanas, várias pessoas contribuiram de maneira espetacular e de diversas formas, desde arregaçando as mangas para fazer a limpeza e prover a alimentação dos bichos, como também nos cuidados de saúde, lares temporários, adoção ou apadrinhamento.
Inicialmente, os animais tiveram o apoio de entidades como o Projeto Vida Animal que apadrinhou os tratamentos do Brilhante e da Radjah e a Confraria dos Miados e Latidos, que está cuidando de 22 gatos, dois coelhos e dois cães e assim que estejam em melhores condições, serão disponibilizados para adoção.
Várias pessoas ofereceram lar temporário para alguns animais que necessitam de cuidados específicos e sete gatos estão nessa situação no momento. Temos ainda dois cães em um hotelzinho, precisando de padrinhos e uma gatinha internada numa clínica veterinária.
Os bichinhos também receberam muitos favores de valor incalculável de simpatizantes da causa animal e profissionais da área e, mesmo as pessoas que não estão mais disponíveis, contarão com a gratidão deles pela oportunidade de terem uma vida melhor e digna.
Hoje a situação, apesar de menos dramática, ainda demanda por muito trabalho e empenho de quem se propuser a ajudar os animais que ainda estão na casa e a resgatar os que estão em isolamento na Coordenadoria de Proteção à Vida Animal (CODEVIDA), orgão vinculado a Prefeitura Municipal de Santos. A jornada continua e todos os reforços serão bem vindos: precisamos manter os tratamentos já iniciados, buscar ainda mais lares temporários para os que estão debilitados, iniciar a castração dos que já estão em melhor condição e providenciar a adoção desses bichinhos.


3 comentários:

  1. como faço para ser "madrinha" ??

    ResponderExcluir
  2. Oi Desiree!

    Obrigada por se interessar pelos bichos da casa! Vc pode ser madrinha de acordo com suas possibilidades. Por exemplo, temos um cão, o Brilhante. Ele está num canil no Guarujá, com a estadia por conta da madrinha dele. Ela se responsabiliza pela hospedagem dele, das consultas veterinárias e medicamentos e dos tratamentos q ele possa precisar. No caso do Brilhante, foi preciso uma cirurgia para remover um tumor benigno das costas e foi a madrinha q providenciou isso. Ele já está pronto para ser adotado.
    Além do Brilhante, cinco outros cães estão nessa condição. Eu tenho duas afilhadas, a Pretinha e a Miranda, elas estão hospedadas num petshop, foram vermifugadas e estão terminando o tratamento da sarna (agora não tem mais sarna, mas estão se recuperando das seqüelas, como falhas no pelo). A Miranda precisa ser castrada e estou providenciando isso. Depois as duas serão vacinadas. Já estão disponíveis para adoção.
    Se vc não quiser ser madrinha de um cão específico, pode nos ajudar com ração, medicações, material de construção (veja no blog, são materiais para adequação temporária do abrigo dos cães). Também pode nos ajudar com mão de obra, por exemplo, assumindo o pagamento de um ajudante q tem vindo limpar e tratar dos cães diariamente. Como pode ver, tem bastante coisa pra se fazer, basta vc escolher o q for mais conveniente pra vc, para para nós, toda ajuda é válida e bem vinda!!!
    Aguardamos um contato seu e se quiser nos visitar e conhecer os cães, basta marcarmos um dia e horário para te receber.

    Um abraço,
    Giany

    ResponderExcluir
  3. Olá, agora a pouco li sobre vocês no boletim do Dr. Wilson Grassi. Li praticamente o blog todo e estou muito impressionada com o trabalho de vocês. Lembro de ter lido algo sobre esse caso através da Confraria, acho que pelo Orkut. Lembrei que a Tatis comentou sobre os coelhos, algo inusitado em meio aos acontecimentos. Meus sinceros parabéns e votos de muita saúde, dinheiro para continuar essa tarefa, lares maravilhosos para esses pequeninos e todas as bênçãos dos céus para cada um de vocês e para todos os que os ajudam! Um grande beijo!

    Josi Saldanha
    Dignicats
    www.dignicats.blogspot.com

    ResponderExcluir